Impostos

Estrangeiros e portugueses não residentes que tenham negócios, bens ou ligações de outra natureza com    repercussões fiscais em Portugal devem estar cientes do quadro regulatório fiscal.

Portugal oferece algumas vantagens fiscais únicas para indivíduos que se tornem não-residentes habituais, com isenções e taxas reduzidas extraordinariamente atrativas. No entanto, para beneficiar deste regime é importante que os  procedimentos relevantes sejam pontualmente observados e a situação do contribuinte cuidadosamente analisada.

Deve também ser tido em conta o aumento da complexidade e âmbito das disputas com as autoridades fiscais a nível global. Elementos transfronteiriços introduzem dimensões de dupla-tributação a um ambiente já de si complexo.

O Escritório tem prestado serviços nas seguintes áreas, sempre numa perspetiva de evitar situações de contencioso e minimizar exposição do contribuinte:

  •   Representação fiscal
  •   Residente Não-Habitual (RNH)
  •   Dupla tributação
  •   Auditorias, disputas, contencioso e arbitragem com as autoridades tributárias
  •   Aconselhamento genérico.